2016

2016

16 fevereiro 2014

Albert Nobbs

quando estreou em Portugal, no início de 2012, tinha muito curiosidade em ver este filme, apenas e só por ser protagonizado pela grande Glenn Close. mas havia tantos filmes bons a estrear, por ser época de Óscares, que este acabou por sair das salas de cinema sem que eu o visse. 
foi este fim de semana. adormeci duas vezes a meio, porque achei o filme chato e desinteressante. conta a história de uma mulher que, em pleno século XIX, numa Irlanda que não permite às mulheres serem independentes, se disfarça de mordomo para poder trabalhar num hotel. calado e discreto, Albert Nobbs (Glenn Close) vive resignado a esta condição até conhecer um pintor, Hubert Page (Janet McTeer), que lhe levanta uma série de questões sobre alcançar o seu verdadeiro sonho e viver a sua identidade. o filme tenta de forma muito superficial fazer o retrato de uma sociedade de costumes, também através da jovem criada Helen (Mia Wasikowska), cuja história se cruza com a de Nobbs, mas, quanto a mim, não é o suficiente para fazer um filme convincente.

trailer

Sem comentários: