2016

2016

11 agosto 2014

daqueles que amamos

há dias, nem de propósito, a Sofia publicou um texto sobre os irmãos. o que ela não podia saber é que nessa mesma semana a minha irmã fazia anos e aquele texto fez todo o sentido naquele momento. o texto que eu gostaria de ter escrito, assim tivesse a destreza na ponta dos dedos e uma mente brilhante que soubesse passar para o papel a magia que o coração guarda.

a minha irmã adora surpresas. e adora fazer anos, que é aquele dia tão bom, em que nos sentimos acarinhados e cheios de atenções que nos preenchem a alma. 
à meia noite, surpreendi-a em casa de uns amigos, onde estava a jantar. um bolo para cantar os parabéns e assim começava um dia cheio de boas surpresas: ter a melhor amiga com ela todo o dia [que ela julgava estar a trabalhar], uma tarde à beira mar, um jantar surpresa, o melhor amigo sempre presente, uma viagem de presente. 
um dia tão bom, tão feliz, que ela adorou e que me deu tanto gozo planear. não há melhor sensação no mundo do que ver a felicidade nos olhos de quem mais amamos. 

imagem

Sem comentários: