2016

2016

29 janeiro 2015

why can't #RunLikeAGirl also mean #WinTheRace?

nem de propósito, hoje ao almoço falávamos sobre a educação das crianças e de como os nossos preconceitos podem ou não ficar enraizados nelas, estabelecendo a diferença entre aquilo que lhes queremos transmitir, para que se tornem adultos responsáveis e com uma forte consciência social, e aquilo que acabamos por dizer, em tom de brincadeira e que pode ser assimilado por elas como uma verdade absoluta. as crianças tendem efetivamente a seguir modelos de comportamento e os pais têm aí um papel fundamental.
por coincidência, descubro este texto. e este vídeo. e fico sem mais palavras.


Sem comentários: